Rogério Costa

Dodge Charger 1978


Minha história com este Charger vem ja de quando o antigo proprietário estava restaurando nos mínimos detalhes e eu já apaixonado pelo carro. O mesmo foi vendido a um primo meu que o manteve por 1ano e o vendeu a um terceiro pois na ocasião não tinha condições financeiras ainda para adquiri-lo. E assim foi até no ano 2016 quando localizei o até então proprietário que estava disposto a negociá-lo . Me desfiz de dois antigos que tinha para adquiri-lo ; fato este que nao me arrependo de forma alguma e assim, todo tempo disponível que tenho dedico ao Passatempo que me agrada : Dodgeterapia.

Amizades conquistadas e experiências trocadas. Isto não tem preço.